DIOCESE  DE  PONTA  GROSSA


SOBRE
   História
   Fundação
   Bula Pontifícia


ESTRUTURA
   Colégio Consultores
   Conselho Presbiteral
   Seminários Diocesanos
   Casas para Encontros


Publicado em: 08/06/2019

Bivaque Vocacional será neste sábado

Sexta edição quer formar e municiar equipes paroquiais

 
Padre Osvaldo Pinheiro coordena a sexta edição do Bivaque, neste sábado Padre Osvaldo Pinheiro coordena a sexta edição do Bivaque, neste sábado | Crédito: Arquivo AssCom Diocese de Ponta Grossa

     Criar uma cultura vocacional. Esse é o sonho que está sendo construído com as realizações dos encontros de formação para equipes vocacionais paroquiais, os Bivaque. Em sua sexta edição, programado para este sábado (8), a partir das 8h30, no Colégio São José/unidade São José, o Bivaque Vocacional deve reunir perto de 80 agentes vindos de todas as paróquias da Diocese de Ponta Grossa. Este ano, o encontro será assessorado pelo padre José Alir, secretário nacional da Pastoral Vocacional, que trará, entre outras informações, detalhes sobre o V Congresso Vocacional do Brasil, previsto para setembro.

      Segundo o coordenador diocesano do Serviço de Animação Vocacional, padre Osvaldo Pinheiro, o encontro servirá para a formação e também para a criação das equipes vocacionais paroquiais. “O objetivo não é criar mais uma estrutura, mais uma pastoral, mas sim criar um elo de ligação entre as pastorais que fazem parte da Pastoral Vocacional, como o Movimento das Capelinhas, dos Acólitos, Coroinhas, a Catequese, grupos de jovens, Pastoral Familiar e outras, que são convidadas a fazer um trabalho conjunto para que o serviço de animação vocacional ganhe corpo força dentro da comunidade”, adianta o padre,  destacando que o grande desafio é articular as pastorais ligadas à questão vocacional para que trabalhem juntas. “Seria um sonho”, acrescenta.

      Padre Osvaldo fez questão de explicar o sentido da palavra ‘bivaque’: encontro em um espaço aberto, com informação e parte recreativa. A formação se estende das 8h30  às 18 horas. O início da fala de padre José Alir será às 8h45. O assessor é da Diocese de Guarapuava e tem amplo conhecimento do trabalho vocacional, comenta padre Osvaldo. “Ele nos trará detalhes sobre o quarto Congresso Vocacional do Brasil, e, à tarde, abordará aspectos mais práticos, falando como funciona a equipe vocacional, dando sugestões de ações para que equipes possam trabalhar em comunhão com o pároco e as demais pastorais”, detalha o coordenador do Serviço de Animação Vocacional.  O IV Congresso Vocacional do Brasil acontecerá entre 5 e 8 de setembro, no Centro de Eventos do Santuário Nacional Nossa Senhora de Aparecida, em Aparecida (SP).

      “A intenção é se falar de vocação não só em agosto, como de costume, reforçando a vocação presbiteral, os ministérios ordenados, a vida consagrada; mas de todas as vocações. Falar da vida como uma vocação, durante todos os meses do ano. Precisamos de um grupo que recorde para a Igreja que toda ela é vocacionada, toda ela é ministerial”, argumenta padre Osvaldo Pinheiro. O trabalho pretendido com os encontros é fazer com que todas as paróquias da Diocese tenham equipes vocacionais paroquiais “para que ajudem a girar a engrenagem da Ação Evangelizadora Cada Comunidade uma Nova Vocação”, frisa. O VI Bivaque também servirá para a partilha de experiências, como a vivida pela Paróquia Menino Jesus, de Reserva. A comunidade vive inciativas de sucesso, como a Caminhada Vocacional, o Terço Vocacional,  realiza encontro com coroinhas, com os jovens. “Em  Carambeí, temos o Grupo de Orientação Vocacional, que está funcionando. Queremos que (as pessoas) onde já existe possam partilhar com aqueles que vem pela primeira vez e não sabem para onde caminhar. Afinal, o trabalho da Pastoral Vocacional é diferente, como uma árvore frutífera é diferente de uma lavoura. É necessário plantar e ter a paciência para colher; porque os frutos virão”, compara padre Osvaldo. 


  • Diocede Ponta Grossa


Você pode se interessar também:
|





Publicado em: 08/06/2019

Bivaque Vocacional será neste sábado

Sexta edição quer formar e municiar equipes paroquiais

 

     Criar uma cultura vocacional. Esse é o sonho que está sendo construído com as realizações dos encontros de formação para equipes vocacionais paroquiais, os Bivaque. Em sua sexta edição, programado para este sábado (8), a partir das 8h30, no Colégio São José/unidade São José, o Bivaque Vocacional deve reunir perto de 80 agentes vindos de todas as paróquias da Diocese de Ponta Grossa. Este ano, o encontro será assessorado pelo padre José Alir, secretário nacional da Pastoral Vocacional, que trará, entre outras informações, detalhes sobre o V Congresso Vocacional do Brasil, previsto para setembro.

      Segundo o coordenador diocesano do Serviço de Animação Vocacional, padre Osvaldo Pinheiro, o encontro servirá para a formação e também para a criação das equipes vocacionais paroquiais. “O objetivo não é criar mais uma estrutura, mais uma pastoral, mas sim criar um elo de ligação entre as pastorais que fazem parte da Pastoral Vocacional, como o Movimento das Capelinhas, dos Acólitos, Coroinhas, a Catequese, grupos de jovens, Pastoral Familiar e outras, que são convidadas a fazer um trabalho conjunto para que o serviço de animação vocacional ganhe corpo força dentro da comunidade”, adianta o padre,  destacando que o grande desafio é articular as pastorais ligadas à questão vocacional para que trabalhem juntas. “Seria um sonho”, acrescenta.

      Padre Osvaldo fez questão de explicar o sentido da palavra ‘bivaque’: encontro em um espaço aberto, com informação e parte recreativa. A formação se estende das 8h30  às 18 horas. O início da fala de padre José Alir será às 8h45. O assessor é da Diocese de Guarapuava e tem amplo conhecimento do trabalho vocacional, comenta padre Osvaldo. “Ele nos trará detalhes sobre o quarto Congresso Vocacional do Brasil, e, à tarde, abordará aspectos mais práticos, falando como funciona a equipe vocacional, dando sugestões de ações para que equipes possam trabalhar em comunhão com o pároco e as demais pastorais”, detalha o coordenador do Serviço de Animação Vocacional.  O IV Congresso Vocacional do Brasil acontecerá entre 5 e 8 de setembro, no Centro de Eventos do Santuário Nacional Nossa Senhora de Aparecida, em Aparecida (SP).

      “A intenção é se falar de vocação não só em agosto, como de costume, reforçando a vocação presbiteral, os ministérios ordenados, a vida consagrada; mas de todas as vocações. Falar da vida como uma vocação, durante todos os meses do ano. Precisamos de um grupo que recorde para a Igreja que toda ela é vocacionada, toda ela é ministerial”, argumenta padre Osvaldo Pinheiro. O trabalho pretendido com os encontros é fazer com que todas as paróquias da Diocese tenham equipes vocacionais paroquiais “para que ajudem a girar a engrenagem da Ação Evangelizadora Cada Comunidade uma Nova Vocação”, frisa. O VI Bivaque também servirá para a partilha de experiências, como a vivida pela Paróquia Menino Jesus, de Reserva. A comunidade vive inciativas de sucesso, como a Caminhada Vocacional, o Terço Vocacional,  realiza encontro com coroinhas, com os jovens. “Em  Carambeí, temos o Grupo de Orientação Vocacional, que está funcionando. Queremos que (as pessoas) onde já existe possam partilhar com aqueles que vem pela primeira vez e não sabem para onde caminhar. Afinal, o trabalho da Pastoral Vocacional é diferente, como uma árvore frutífera é diferente de uma lavoura. É necessário plantar e ter a paciência para colher; porque os frutos virão”, compara padre Osvaldo. 


Diocede Ponta Grossa
Padre Osvaldo Pinheiro coordena a sexta edição do Bivaque, neste sábado   |   Arquivo AssCom Diocese de Ponta Grossa


Navegue até a sua Paróquia