DIOCESE  DE  PONTA  GROSSA


SOBRE
   História
   Fundação
   Bula Pontifícia


ESTRUTURA
   Colégio Consultores
   Conselho Presbiteral
   Seminários Diocesanos
   Casas para Encontros


Publicado em: 25/11/2019

Encontro vai preparar equipes de música

As inscrições já estão abertas. Curso será em fevereiro

 
Divulgação Divulgação | Crédito: AssCom Diocese de Ponta Grossa
      Estão abertas as inscrições para o Encontro Diocesano de Preparação Litúrgico-Musical, marcado para 15 e 16 de fevereiro. Os interessados precisam procurar a secretaria de suas paróquias ou ligar para 999080361 ou 999332247. O assessor será o Irmão Fernando Benedito Vieira, maestro e vice-presidente da Foederatio Internationalis Pueri Cantores. Ele formado em piano pelo Conservatório Estadual de Música Haidée França Americano, de Juiz de Fora (MG). Possui cursos e estágio em Regência Coral em Música sacra e litúrgica em diversos estados do Brasil, Alemanha e Áustria. O curso é voltado para os coordenadores do Ministério de Música das paróquias.

     O conteúdo versará sobre o sentido ministerial da música litúrgica, repertório musical sobre o Tempo Comum (teoria e prática), partes fixas na Celebração Eucarística e Salmos. De acordo com o padre Álvaro Martins Nortok, assessor da Comissão Diocesana de Liturgia e Música Sacra, serão seis coordenadores por paróquia, que levarão o material para as suas comunidades e, lá, ficarão responsáveis por repassar as orientações. “A partir disso, em março, acontecerão novos encontros, por setores, com os integrantes dos ministérios de música para alcançar mais pessoas ainda. A ideia é que esse encontro seja mais prático e teórico, tanto que o assessor trará um material bem denso, em texto e áudio”, adiantou. Já no primeiro dia do curso será disponibilizada apostila, com partituras, enviada previamente por irmão Fernando e impressa pela comissão.

      “Queremos levar uma experiência de Jesus, levar uma experiência de que o canto é parte integrante da Liturgia e é muito importante para bem celebrar a Eucaristia. A escolha do canto tem que ser bem feita, de acordo com o Evangelho, o dia litúrgico, próprio do tempo. O assessor vai trazer a possibilidade da escolha do repertório. Pode ser uma comunidade do interior ou de uma grande matriz. Vão escolher um repertório que seja litúrgico, que ajude as pessoas as rezarem, ajude a entrar no mistério de Jesus, a mergulhar na Eucaristia”, detalhou, citando que o investimento é de R$ 150 por pessoa, valor para cobrir o custo da locação do espaço e os materiais. “Peço que os párocos incentivem as pessoas de suas comunidades a participar”, frisou padre Álvaro. O encontro será no Centro de Espiritualidade Passionista São Paulo da Cruz (Cepa). Espera-se cerca de 350 participantes.Permanente

      Segundo padre Álvaro, a ideia é fazer uma Escola Diocesana de Liturgia. “Nos primeiro meses do ano, a formação será de canto pastoral, de missa, de celebração eucarística e, no final do ano, preparadas as equipes de celebração: comentaristas, leitores, coordenadores de acólitos e coroinhas. Para levar um subsidio a mais, que pode ajudar muito”, explicou. Os encontros sempre serão marcados em fevereiro e setembro. Irmão Fernando será convidado a assessorar também os tempos que faltam, o do Advento, do Natal, da Quaresma e Pascal. “Vai trabalhar um outro olhar, da CNBB, da liturgia do Brasil. Por ser um assessor nacional tem um peso muito grande e que precisa ser valorizado”.

      Em setembro, dias 25 e 26, acontecerão oficinas, uma formação geral para leitores, comentaristas, coroinhas e acólitos, com o padre Gilson Cezar de Camargo, da Paróquia Santo Antônio, de Imbituva, especialista em Sacramentos. “O padre vai ensinar como falar em público, na teoria e na prática”, contou padre Álvaro. O Diretório Litúrgico, que é de 2006, será revisado, atualizado e impresso para as comunidades. Será um subsídio com noções sobre cantos, procissão de entrada, missa...”Ele nunca foi reeditado. É algo para ser estudado mais, até para ajudar nas celebrações”, avaliou.
  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa


Você pode se interessar também:
| Bispo abençoa presépio dos Arautos   |   Festa faz resgate histórico   |   Diocese envia missionários à Amazônia   |   “Viver a vocação como uma constante missão”   |  





Publicado em: 25/11/2019

Encontro vai preparar equipes de música

As inscrições já estão abertas. Curso será em fevereiro

 
      Estão abertas as inscrições para o Encontro Diocesano de Preparação Litúrgico-Musical, marcado para 15 e 16 de fevereiro. Os interessados precisam procurar a secretaria de suas paróquias ou ligar para 999080361 ou 999332247. O assessor será o Irmão Fernando Benedito Vieira, maestro e vice-presidente da Foederatio Internationalis Pueri Cantores. Ele formado em piano pelo Conservatório Estadual de Música Haidée França Americano, de Juiz de Fora (MG). Possui cursos e estágio em Regência Coral em Música sacra e litúrgica em diversos estados do Brasil, Alemanha e Áustria. O curso é voltado para os coordenadores do Ministério de Música das paróquias.

     O conteúdo versará sobre o sentido ministerial da música litúrgica, repertório musical sobre o Tempo Comum (teoria e prática), partes fixas na Celebração Eucarística e Salmos. De acordo com o padre Álvaro Martins Nortok, assessor da Comissão Diocesana de Liturgia e Música Sacra, serão seis coordenadores por paróquia, que levarão o material para as suas comunidades e, lá, ficarão responsáveis por repassar as orientações. “A partir disso, em março, acontecerão novos encontros, por setores, com os integrantes dos ministérios de música para alcançar mais pessoas ainda. A ideia é que esse encontro seja mais prático e teórico, tanto que o assessor trará um material bem denso, em texto e áudio”, adiantou. Já no primeiro dia do curso será disponibilizada apostila, com partituras, enviada previamente por irmão Fernando e impressa pela comissão.

      “Queremos levar uma experiência de Jesus, levar uma experiência de que o canto é parte integrante da Liturgia e é muito importante para bem celebrar a Eucaristia. A escolha do canto tem que ser bem feita, de acordo com o Evangelho, o dia litúrgico, próprio do tempo. O assessor vai trazer a possibilidade da escolha do repertório. Pode ser uma comunidade do interior ou de uma grande matriz. Vão escolher um repertório que seja litúrgico, que ajude as pessoas as rezarem, ajude a entrar no mistério de Jesus, a mergulhar na Eucaristia”, detalhou, citando que o investimento é de R$ 150 por pessoa, valor para cobrir o custo da locação do espaço e os materiais. “Peço que os párocos incentivem as pessoas de suas comunidades a participar”, frisou padre Álvaro. O encontro será no Centro de Espiritualidade Passionista São Paulo da Cruz (Cepa). Espera-se cerca de 350 participantes.Permanente

      Segundo padre Álvaro, a ideia é fazer uma Escola Diocesana de Liturgia. “Nos primeiro meses do ano, a formação será de canto pastoral, de missa, de celebração eucarística e, no final do ano, preparadas as equipes de celebração: comentaristas, leitores, coordenadores de acólitos e coroinhas. Para levar um subsidio a mais, que pode ajudar muito”, explicou. Os encontros sempre serão marcados em fevereiro e setembro. Irmão Fernando será convidado a assessorar também os tempos que faltam, o do Advento, do Natal, da Quaresma e Pascal. “Vai trabalhar um outro olhar, da CNBB, da liturgia do Brasil. Por ser um assessor nacional tem um peso muito grande e que precisa ser valorizado”.

      Em setembro, dias 25 e 26, acontecerão oficinas, uma formação geral para leitores, comentaristas, coroinhas e acólitos, com o padre Gilson Cezar de Camargo, da Paróquia Santo Antônio, de Imbituva, especialista em Sacramentos. “O padre vai ensinar como falar em público, na teoria e na prática”, contou padre Álvaro. O Diretório Litúrgico, que é de 2006, será revisado, atualizado e impresso para as comunidades. Será um subsídio com noções sobre cantos, procissão de entrada, missa...”Ele nunca foi reeditado. É algo para ser estudado mais, até para ajudar nas celebrações”, avaliou.
Diocede Ponta Grossa
Divulgação   |   AssCom Diocese de Ponta Grossa

Diocede Ponta Grossa
Padre Álvaro pediu o apoio dos párocos ao encontro, durante a reunião geral do clero   |   AssCom Diocese de Ponta Grossa


Navegue até a sua Paróquia