DIOCESE  DE  PONTA  GROSSA


SOBRE
   História
   Fundação
   Bula Pontifícia


ESTRUTURA
   Colégio Consultores
   Conselho Presbiteral
   Seminários Diocesanos
   Casas para Encontros


Publicado em: 13/03/2020

Paróquia Sant’Ana terá ordenado dois diáconos

Em Castro, a celebração acontecerá neste sábado

 
Na semana passada, a celebração foi na Catedral e ordenou Dyego Quadros, Almir Baptista e Rogério Mendes Na semana passada, a celebração foi na Catedral e ordenou Dyego Quadros, Almir Baptista e Rogério Mendes | Crédito: AssCom Diocese de Ponta Grossa

      Neste sábado (14), às 18 horas, a matriz Sant’Ana sedia a celebração de ordenação de dois diáconos: Antônio Geraldo Kluczkowski e Ricardo Aparecido dos Santos. Em 246 anos, a paróquia mais antiga da diocese tem somente um diácono, Ademir Lazarini, do distrito do Abapan. O bispo dom Sergio Arthur Braschi preside a celebração, que é a segunda das 17 cerimônias programadas para acontecer até outubro deste ano. Ao todo, 47 novos diáconos permanentes serão ordenados na Diocese de Ponta Grossa.     

      Antônio Kluczkowski tem 61 anos. É filho de Antônio Kluczkowski e Natalia Wrobel Kluczkowski, e, casado há 37 anos com Zélia Maria Kluczkowski. Pai de cinco filhos, o produtor rural é morador do Bairro Aparição. Sempre foi envolvido na comunidade da capela São João Batista, nos grupos de oração, atuou como coordenador da comunidade, como catequista e ministro extraordinário da comunhão por mais de 30 anos. Atualmente, está na como coordenação da Capela Nossa Senhora do Rocio, na Vila Jardim Bela Vista. “Sinto o chamado que Deus faz ao meu coração para estar sempre à disposição da igreja e dos irmãos, especialmente, dos mais necessitados, atuando na visitação aos doentes e auxiliando nas atividades da paróquia”, comenta.

      Ricardo Aparecido dos Santos, de 42 anos, é filho de Alceu dos Santos e Helena Morgan dos Santos. Casado há 20 anos com Ederly Aparecida Kops dos Santos, é pai de um casal e reside no quilômetro 1 da estrada Castro a Tibagi, em Castro. Ricardo é administrador de empresa. “Sempre tive especial interesse pela Igreja. Quando jovem, participei durante vários anos no grupo de jovens da Paróquia São Judas Tadeu, onde conheci minha esposa. Após nosso casamento, começamos a participar de uma equipe de canto na Paróquia Santana, onde hoje cantam os nossos filhos. Participamos do Movimento Familiar Cristão. Mas, foi há mais ou menos dez anos que senti vontade de ajudar na Pastoral do Batismo, e, dali em diante, a minha proximidade com a Igreja só aumentou, tendo participado como tesoureiro junto a Pastoral Econômica, como ministro da comunhão, e, desde o ano passado, como um dos coordenadores da Catequese paroquial”, detalha.


  • Diocede Ponta Grossa


Você pode se interessar também:
| Live atinge mais de 10 mil pessoas   |   Missa do Crisma será no feriado   |   Catedral faz festa pelos seus 197 anos   |   Missa online vai ‘conectar’ jovens   |  





Publicado em: 13/03/2020

Paróquia Sant’Ana terá ordenado dois diáconos

Em Castro, a celebração acontecerá neste sábado

 

      Neste sábado (14), às 18 horas, a matriz Sant’Ana sedia a celebração de ordenação de dois diáconos: Antônio Geraldo Kluczkowski e Ricardo Aparecido dos Santos. Em 246 anos, a paróquia mais antiga da diocese tem somente um diácono, Ademir Lazarini, do distrito do Abapan. O bispo dom Sergio Arthur Braschi preside a celebração, que é a segunda das 17 cerimônias programadas para acontecer até outubro deste ano. Ao todo, 47 novos diáconos permanentes serão ordenados na Diocese de Ponta Grossa.     

      Antônio Kluczkowski tem 61 anos. É filho de Antônio Kluczkowski e Natalia Wrobel Kluczkowski, e, casado há 37 anos com Zélia Maria Kluczkowski. Pai de cinco filhos, o produtor rural é morador do Bairro Aparição. Sempre foi envolvido na comunidade da capela São João Batista, nos grupos de oração, atuou como coordenador da comunidade, como catequista e ministro extraordinário da comunhão por mais de 30 anos. Atualmente, está na como coordenação da Capela Nossa Senhora do Rocio, na Vila Jardim Bela Vista. “Sinto o chamado que Deus faz ao meu coração para estar sempre à disposição da igreja e dos irmãos, especialmente, dos mais necessitados, atuando na visitação aos doentes e auxiliando nas atividades da paróquia”, comenta.

      Ricardo Aparecido dos Santos, de 42 anos, é filho de Alceu dos Santos e Helena Morgan dos Santos. Casado há 20 anos com Ederly Aparecida Kops dos Santos, é pai de um casal e reside no quilômetro 1 da estrada Castro a Tibagi, em Castro. Ricardo é administrador de empresa. “Sempre tive especial interesse pela Igreja. Quando jovem, participei durante vários anos no grupo de jovens da Paróquia São Judas Tadeu, onde conheci minha esposa. Após nosso casamento, começamos a participar de uma equipe de canto na Paróquia Santana, onde hoje cantam os nossos filhos. Participamos do Movimento Familiar Cristão. Mas, foi há mais ou menos dez anos que senti vontade de ajudar na Pastoral do Batismo, e, dali em diante, a minha proximidade com a Igreja só aumentou, tendo participado como tesoureiro junto a Pastoral Econômica, como ministro da comunhão, e, desde o ano passado, como um dos coordenadores da Catequese paroquial”, detalha.


Diocede Ponta Grossa
Na semana passada, a celebração foi na Catedral e ordenou Dyego Quadros, Almir Baptista e Rogério Mendes   |   AssCom Diocese de Ponta Grossa


Navegue até a sua Paróquia