DIOCESE  DE  PONTA  GROSSA


SOBRE
   História
   Fundação
   Bula Pontifícia


ESTRUTURA
   Colégio Consultores
   Conselho Presbiteral
   Seminários Diocesanos
   Casas para Encontros


Publicado em: 14/05/2020

‘Rádio Solidária’ ajuda autônomos

Sant’Ana FM veicula anúncios de graça

 
Os anúncios gratuitos são veiculados durante toda a programação da rádio Os anúncios gratuitos são veiculados durante toda a programação da rádio | Crédito: Arquivo Rádio Sant’Ana

      A Rádio Sant’Ana FM tem dado sua cota de colaboração a pequenos empresários e trabalhadores autônomos neste momento de crise devido às medidas restritivas, ocasionadas pela pandemia da Covid-19. O Programa Rádio Solidária tem possibilitado a veiculação de anúncios, totalmente gratuitos, uma vez por dia, durante sete dias corridos. Basta entrar em contato com a emissora pelo whatsapp 99151-8989 e enviar um áudio de 30 segundos, se identificando, falando o que comercializa ou qual serviço presta, e o telefone.

      A Rádio Santana, integrante da Fundação Sant’Ana de Comunicação, que pertence a Diocese de Ponta Grossa, iniciou a campanha no início de maio e atualmente conta com dez anúncios desse estilo inseridos em toda a programação, das 5 da manhã até às 20 horas. São costureiras, fabricantes de comida saudável, doces, biscoitos, confecções, serviços de carreto, afiador, lavanderia, produtos de beleza...

      Segundo o gerente administrativo da rádio, Gilberto Alves de Oliveira, existe uma fila de inserção e, caso o autônomo ou microempresa queira veicular novamente, outra gravação deve ser enviada pelo próprio empresário. “Não são permitidos spot ou outros tipos de propagandas, como também, não temos um controle de horário que o áudio será veiculado. No entanto, entendemos que estamos fazendo nossa parte nesta crise que atinge todo o mundo. Esta é a maneira que o veículo rádio pode estar colaborando com a sociedade”, comenta.

      De acordo com o gerente, com os efeitos da pandemia, a emissora sentiu, como qualquer outra empresa de comunicação, as receitas caírem drasticamente. “Se o comércio e os serviços estão impossibilitados de trabalhar, a primeira coisa que é cortado são os gastos em publicidade. Tivemos diversos contratos congelados e cancelados, devido as medidas de restrição geradas pela Covid-19”, explica Oliveira, salientando que juntamente com isso, espaços foram abertos na grade de comerciais da emissora.

      Houve também, conforme Gilberto Oliveira, o registro de queda dos anúncios de balcão, propagandas avulsas. “O problema é que mesmo este tipo de propaganda que é bem mais em conta, para divulgação esporádica de vendas, aluguéis e serviços também caíram. Avaliamos que até os pequenos empresários e autônomos não estavam em condições de pagar pelos anúncios”, justifica o gerente, citando que, foi então que, em reunião, ficou definido que mesmo com a dificuldade de honrar com os compromissos, em virtude a redução do número de anúncios, deveria ser feito algo para ajudar as pessoas. “O programa Rádio Solidária é destinado para autônomos e pequenas empresas que estão com as portas fechadas, bem como para aqueles que começaram a fazer outros serviços, até na informalidade para poder se sustentar”.

      A campanha foi enaltecida pela Associação Comercial, Industrial e Empresarial de Ponta Grossa (ACIPG). Para o diretor secretário da presidência da Associação, Ermar Toniolo, a Rádio Sant’Ana é um excelente exemplo de resiliência e solidariedade neste momento de pandemia. “Enquanto entidade associativista, a ACIPG parabeniza a Rádio Sant’Ana pela prestação de serviço e auxílio a comunidade, por se solidarizar com empresários que estão com mais dificuldade neste cenário de crise”, destaca o diretor.


  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa


Você pode se interessar também:
| Grupo Jovens da Luz realiza live   |   Grupo Jovens da Luz realiza live   |   Missas com a presença de fiéis são autorizadas em toda a diocese   |   Sacrário de santuário receberá benção   |  





Publicado em: 14/05/2020

‘Rádio Solidária’ ajuda autônomos

Sant’Ana FM veicula anúncios de graça

 

      A Rádio Sant’Ana FM tem dado sua cota de colaboração a pequenos empresários e trabalhadores autônomos neste momento de crise devido às medidas restritivas, ocasionadas pela pandemia da Covid-19. O Programa Rádio Solidária tem possibilitado a veiculação de anúncios, totalmente gratuitos, uma vez por dia, durante sete dias corridos. Basta entrar em contato com a emissora pelo whatsapp 99151-8989 e enviar um áudio de 30 segundos, se identificando, falando o que comercializa ou qual serviço presta, e o telefone.

      A Rádio Santana, integrante da Fundação Sant’Ana de Comunicação, que pertence a Diocese de Ponta Grossa, iniciou a campanha no início de maio e atualmente conta com dez anúncios desse estilo inseridos em toda a programação, das 5 da manhã até às 20 horas. São costureiras, fabricantes de comida saudável, doces, biscoitos, confecções, serviços de carreto, afiador, lavanderia, produtos de beleza...

      Segundo o gerente administrativo da rádio, Gilberto Alves de Oliveira, existe uma fila de inserção e, caso o autônomo ou microempresa queira veicular novamente, outra gravação deve ser enviada pelo próprio empresário. “Não são permitidos spot ou outros tipos de propagandas, como também, não temos um controle de horário que o áudio será veiculado. No entanto, entendemos que estamos fazendo nossa parte nesta crise que atinge todo o mundo. Esta é a maneira que o veículo rádio pode estar colaborando com a sociedade”, comenta.

      De acordo com o gerente, com os efeitos da pandemia, a emissora sentiu, como qualquer outra empresa de comunicação, as receitas caírem drasticamente. “Se o comércio e os serviços estão impossibilitados de trabalhar, a primeira coisa que é cortado são os gastos em publicidade. Tivemos diversos contratos congelados e cancelados, devido as medidas de restrição geradas pela Covid-19”, explica Oliveira, salientando que juntamente com isso, espaços foram abertos na grade de comerciais da emissora.

      Houve também, conforme Gilberto Oliveira, o registro de queda dos anúncios de balcão, propagandas avulsas. “O problema é que mesmo este tipo de propaganda que é bem mais em conta, para divulgação esporádica de vendas, aluguéis e serviços também caíram. Avaliamos que até os pequenos empresários e autônomos não estavam em condições de pagar pelos anúncios”, justifica o gerente, citando que, foi então que, em reunião, ficou definido que mesmo com a dificuldade de honrar com os compromissos, em virtude a redução do número de anúncios, deveria ser feito algo para ajudar as pessoas. “O programa Rádio Solidária é destinado para autônomos e pequenas empresas que estão com as portas fechadas, bem como para aqueles que começaram a fazer outros serviços, até na informalidade para poder se sustentar”.

      A campanha foi enaltecida pela Associação Comercial, Industrial e Empresarial de Ponta Grossa (ACIPG). Para o diretor secretário da presidência da Associação, Ermar Toniolo, a Rádio Sant’Ana é um excelente exemplo de resiliência e solidariedade neste momento de pandemia. “Enquanto entidade associativista, a ACIPG parabeniza a Rádio Sant’Ana pela prestação de serviço e auxílio a comunidade, por se solidarizar com empresários que estão com mais dificuldade neste cenário de crise”, destaca o diretor.


Diocede Ponta Grossa
Os anúncios gratuitos são veiculados durante toda a programação da rádio   |   Arquivo Rádio Sant’Ana

Diocede Ponta Grossa
São anunciados serviços e produtos de todos os gêneros   |   Arquivo AssCom Diocese de PG


Navegue até a sua Paróquia