DIOCESE  DE  PONTA  GROSSA


SOBRE
   História
   Fundação
   Bula Pontifícia


ESTRUTURA
   Colégio Consultores
   Conselho Presbiteral
   Seminários Diocesanos
   Casas para Encontros


Publicado em: 30/06/2020

Paroquianos celebram sua padroeira

Nem a chuva diminuiu fervor em Irati

 
 A missa foi celebrada na tarde de sábado, dia da padroeira A missa foi celebrada na tarde de sábado, dia da padroeira | Crédito: Pascom Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro/Irati

      O clima frio e chuvoso não foi um impedimento para que os fiéis da Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro de Irati pudessem celebrar solenemente a sua padroeira. Os devotos demonstraram todo o seu fervor no último sábado (27), seja participando da Santa Missa, às 15 horas, via Facebook da paróquia, do Portal Clique e da Rádio Najuá, ou da carreata que aconteceu em seguida, em homenagem à santa.

      A celebração restrita seguiu toda as orientações diocesanas. Padre Nelson Bueno da Silva, pároco da Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, lembrou que todos os esforços foram para festejar a data, ainda que de modo diferente este ano. “Tentamos fazer o melhor de nós para homenagear a nossa padroeira e aquilo que foi possível foi feito. Muitas manifestações e iniciativas aconteceram, mesmo que limitadas por causa da pandemia. A missa foi muito linda”, ressaltou.

     Após a celebração da missa, os paroquianos foram convidados a se dirigir, em seus carros até a igreja matriz, de onde partiu uma carreata festiva. Ao longo do trajeto, famílias se prepararam para a passagem do ícone da padroeira, com altares, imagens e pétalas de flores. “Peguei o carro e fui atrás. Foi emocionante ver idosos e crianças acenando e rezando”, contou Rafaela Letícia de Souza. Para Alice Nós, a carreata aproximou a sua família da comunidade, neste período de isolamento. “Foi muito gratificante ver a carreata em frente a nossa casa. Nesse momento que não podemos ir à igreja, sentimos saudades de estar lá...Ficamos agradecidos por receber as bênçãos da Mãe do Perpétuo Socorro e de seu filho Jesus”, comentou.

     “Pessoas em frente as suas casas, com pequenos altares, com fé e chorando e eu os abençoando. Era como se as pessoas dissessem ‘Deus nos atenda e nos proteja, estamos precisando muito’. Até o povo que estava nos bares saiu para receber a bênção. Todos acreditando que dias melhores virão”, enfatizou padre Nelson. A carreata durou cerca de uma hora. Iniciou e terminou em frente à igreja matriz.


  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa


Você pode se interessar também:
| Feira angaria fundos para o João XXIII   |   São João ganha ‘live arraiá’   |   Catedral ganha imagem restaurada de Sant’Ana   |   Paroquianos celebram sua padroeira   |  





Publicado em: 30/06/2020

Paroquianos celebram sua padroeira

Nem a chuva diminuiu fervor em Irati

 

      O clima frio e chuvoso não foi um impedimento para que os fiéis da Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro de Irati pudessem celebrar solenemente a sua padroeira. Os devotos demonstraram todo o seu fervor no último sábado (27), seja participando da Santa Missa, às 15 horas, via Facebook da paróquia, do Portal Clique e da Rádio Najuá, ou da carreata que aconteceu em seguida, em homenagem à santa.

      A celebração restrita seguiu toda as orientações diocesanas. Padre Nelson Bueno da Silva, pároco da Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, lembrou que todos os esforços foram para festejar a data, ainda que de modo diferente este ano. “Tentamos fazer o melhor de nós para homenagear a nossa padroeira e aquilo que foi possível foi feito. Muitas manifestações e iniciativas aconteceram, mesmo que limitadas por causa da pandemia. A missa foi muito linda”, ressaltou.

     Após a celebração da missa, os paroquianos foram convidados a se dirigir, em seus carros até a igreja matriz, de onde partiu uma carreata festiva. Ao longo do trajeto, famílias se prepararam para a passagem do ícone da padroeira, com altares, imagens e pétalas de flores. “Peguei o carro e fui atrás. Foi emocionante ver idosos e crianças acenando e rezando”, contou Rafaela Letícia de Souza. Para Alice Nós, a carreata aproximou a sua família da comunidade, neste período de isolamento. “Foi muito gratificante ver a carreata em frente a nossa casa. Nesse momento que não podemos ir à igreja, sentimos saudades de estar lá...Ficamos agradecidos por receber as bênçãos da Mãe do Perpétuo Socorro e de seu filho Jesus”, comentou.

     “Pessoas em frente as suas casas, com pequenos altares, com fé e chorando e eu os abençoando. Era como se as pessoas dissessem ‘Deus nos atenda e nos proteja, estamos precisando muito’. Até o povo que estava nos bares saiu para receber a bênção. Todos acreditando que dias melhores virão”, enfatizou padre Nelson. A carreata durou cerca de uma hora. Iniciou e terminou em frente à igreja matriz.


Diocede Ponta Grossa
A missa foi celebrada na tarde de sábado, dia da padroeira   |   Pascom Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro/Irati

Diocede Ponta Grossa
todos os esforços para a data não passar em branco   |   Pascom Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro/Irati

Diocede Ponta Grossa
A carreata percorreu as ruas do entorno da igreja-matriz da paróquia   |   Pascom Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro/Irati

Diocede Ponta Grossa
As famílias foram para a frente de suas casas, mesmo com chuva e frio   |   Pascom Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro/Irati


Navegue até a sua Paróquia