DIOCESE  DE  PONTA  GROSSA


SOBRE
   História
   Fundação
   Bula Pontifícia


ESTRUTURA
   Colégio Consultores
   Conselho Presbiteral
   Seminários Diocesanos
   Casas para Encontros


Publicado em: 28/07/2020

Mãe Aparecida abençoa Ponta Grossa

Padre sobe 37 metros em guindaste e consagra a cidade

 
A emoção da bênção com a imagem A emoção da bênção com a imagem | Crédito: Pascom Paróquia São Sebastião/Santuário Diocesano Nossa Senhora Aparecida

      O ‘ciclone bomba’ que passou por Ponta Grossa no último dia 30 causou muitos prejuízos, inclusive na matriz da Paróquia São Sebastião/Santuário Diocesano de Nossa Senhora Aparecida, na Nova Rússia. Além de danos no forro, na parte interna da igreja, a cruz da torre também foi danificada. O conserto no alto da torre, que tem 37 metros de altura, aconteceu sábado (25). O pároco, padre Sandro Maciel Ferreira, aproveitou a presença do guindaste utilizado nos reparos e subiu com a imagem de Nossa Senhora Aparecida ao alto da torre, de onde consagrou a cidade e todos os seus moradores.

      “Primeiro, foram feitos os consertos na região interna, e, agora que o tempo favoreceu, agendamos os reparos no topo da cruz, que tem em torno de 37 metros e precisaria de um guindaste e condições adequadas de vento e do tempo. Já tinha pensado em fazer uma oração lá do alto, ao lado da cruz da igreja, no guindaste. Como somos um santuário diocesano, optei por um momento mariano e acabei recitando a Consagração a Nossa Senhora Aparecida, consagrando a todos e pedindo a bênção para a paróquia, à cidade, à diocese, ao Brasil e toda a Humanidade”, detalhou padre Sandro.

      Segundo o pároco, a visão foi maravilhosa. “Difícil explicar em palavras o que senti quando vi a cidade lá do alto. Eu me sinto mais confortável no chão, mas, por outro lado, foi uma bonita experiência. Foi uma oração de coração, neste momento de pandemia que estamos vivenciando, pedindo que ela nos proteja, nos ampare e seja nossa intercessora junto a Jesus para que nos livre deste mal que está trazendo tanta tristeza à família humana”, ressaltou o padre.


  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa


Você pode se interessar também:
| Semana da Família ganha as redes sociais   |   Padre Alexandre completa um ano de ordenação   |   Diversas faces do padre mostradas em live   |   Live Vocacional fala da vida do padre   |  





Publicado em: 28/07/2020

Mãe Aparecida abençoa Ponta Grossa

Padre sobe 37 metros em guindaste e consagra a cidade

 

      O ‘ciclone bomba’ que passou por Ponta Grossa no último dia 30 causou muitos prejuízos, inclusive na matriz da Paróquia São Sebastião/Santuário Diocesano de Nossa Senhora Aparecida, na Nova Rússia. Além de danos no forro, na parte interna da igreja, a cruz da torre também foi danificada. O conserto no alto da torre, que tem 37 metros de altura, aconteceu sábado (25). O pároco, padre Sandro Maciel Ferreira, aproveitou a presença do guindaste utilizado nos reparos e subiu com a imagem de Nossa Senhora Aparecida ao alto da torre, de onde consagrou a cidade e todos os seus moradores.

      “Primeiro, foram feitos os consertos na região interna, e, agora que o tempo favoreceu, agendamos os reparos no topo da cruz, que tem em torno de 37 metros e precisaria de um guindaste e condições adequadas de vento e do tempo. Já tinha pensado em fazer uma oração lá do alto, ao lado da cruz da igreja, no guindaste. Como somos um santuário diocesano, optei por um momento mariano e acabei recitando a Consagração a Nossa Senhora Aparecida, consagrando a todos e pedindo a bênção para a paróquia, à cidade, à diocese, ao Brasil e toda a Humanidade”, detalhou padre Sandro.

      Segundo o pároco, a visão foi maravilhosa. “Difícil explicar em palavras o que senti quando vi a cidade lá do alto. Eu me sinto mais confortável no chão, mas, por outro lado, foi uma bonita experiência. Foi uma oração de coração, neste momento de pandemia que estamos vivenciando, pedindo que ela nos proteja, nos ampare e seja nossa intercessora junto a Jesus para que nos livre deste mal que está trazendo tanta tristeza à família humana”, ressaltou o padre.


Diocede Ponta Grossa
A emoção da bênção com a imagem   |   Pascom Paróquia São Sebastião/Santuário Diocesano Nossa Senhora Aparecida

Diocede Ponta Grossa
Padre Sandro com a imagem de Nossa Senhora Aparecida, subindo no guindaste   |   Pascom Paróquia São Sebastião/Santuário Diocesano Nossa Senhora Aparecida

Diocede Ponta Grossa
A cruz da paróquia fica a 37 metros de altura   |   Pascom Paróquia São Sebastião/Santuário Diocesano Nossa Senhora Aparecida


Navegue até a sua Paróquia