DIOCESE  DE  PONTA  GROSSA



SOBRE
   História
   Fundação
   Bula Pontifícia


ESTRUTURA
   Colégio Consultores
   Conselho Presbiteral
   Seminários Diocesanos
   Casas para Encontros


Publicado em: 30/09/2021

Missa lembra Dia Internacional do Idoso

Ações em outubro querem valorizar pessoa idosa

 
Dom Sergio celebrou na igreja do Rosário Dom Sergio celebrou na igreja do Rosário | Crédito: Abel Rosa

     Uma missa celebrada pelo bispo Dom Sergio.Arthur Braschi na Paróquia Nossa Senhora do Rosário, em Ponta Grossa, às 15 horas desta quinta-feira (30), lembraria o Dia Internacional do Idoso, comemorado amanhã. Foram convidados idosos e líderes das comunidades onde funciona a Pastoral da Pessoa Idosa, mas a celebração seria aberta ao público em geral. Ativa, mas ainda com muitas restrições devido à idade de seus agentes, a Pastoral visitava cerca de mil idosos, antes da pandemia. 


     De acordo com o coordenador diocesano da Pastoral da Pessoa Idosa, diácono Luiz Afonso Freytag, as visitas, hoje, estão seguindo todos os cuidados sanitários. “Sem abraço ou outro contato físico, higienização com álcool em gel, redobro da vigilância nas casas pequenas e, em alguns casos, conversas só por telefone mesmo. Não tenho nem como dizer quantas visitas estão sendo feitas porque muitos de nossos líderes têm idade avançada e não estão saindo de casa”, contou o diácono.


     Ao falar do Dia Internacional do Idoso, Freytag, destaca que a idade é um chamamento feito por Deus a cada mulher e a cada homem para que se tornem fiéis testemunhos da história. “Isso porque os idosos são memória viva. São eles quem não nos deixam desmemoriados quanto aos erros cometidos e os acertos aprendidos. Graças a essa lembrança permanente a prática do bem se fortalece e o mal tende a não se repetir. São depositários de valores humanos e inegociáveis. Os idosos também se tornam pedagogos de nossas famílias e alicerce de nossa sociedade”, enaltece.


     Para o coordenador da Pastoral da Pessoa Idosa, há de se ter em conta que a vida sábia é decorrente da abundância de experiências e não só do acréscimo dos anos. “Definitivamente são as experiências que tornam os nossos idosos pessoas genuinamente sábias. Daí a importância de não os deixar entregues à própria sorte, entremeados pela solidão, frente a uma inadmissível cultura que os exclui, invisibiliza e abandona. ‘Quem não os respeita é sem memória e consequentemente sem futuro’, já dizia o nosso querido e também idoso Papa Francisco nas suas catequeses. Vida longa e saudável a todos! ”


Valorizar


     A Diocese de Ponta Grossa e a Pastoral da Pessoa Idosa trabalham na divulgação do ‘Momento Valorize a Pessoa Idosa’, programado para esta sexta-feira (1º) e sábado, em comemoração do Dia Internacional do Idoso. Promovida pelo Núcleo de Assistência Social, Jurídica e de Estudos sobre a Pessoa Idosa, projeto de extensão da Universidade Estadual de Ponta Grossa, a ação prevê panfletagens do Conselho dos Direitos da Pessoa Idosa na região central da cidade e no terminal de ônibus, nesta quinta-feira, e projeção de vídeo educativo em outdoors eletrônicos nas principais vias.


      O vídeo também será exibido em espaços internos e nas redes sociais da Diocese de Ponta Grossa, Prefeitura, Câmara de Vereadores, shoppings, hospitais, farmácias, igrejas, academias, Regional de Saúde, Associação Comercial, Universidade Aberta para a Terceira Idade, SESC, Pró-Reitoria de Extensão da UEPG, escritório regional da Secretaria da Justiça, Família e Trabalho, entre outros pontos. Ainda acontecerão oficinas sobre os direitos de pessoa idosa e o Estatuto do Idoso, sexta-feira e sábado, das 13h30 às 16h30, transmitidas pelo YouTube no https://www.youtube.com/watch?v=O5btfKS1hSc


As oficinas oferecerão certificado de participação pela Proex. Em Ponta Grossa, o Dia Internacional do Idoso vai ser comemorado durante todo o mês de outubro.  


     “Temos como diretrizes a valorização da pessoa idosa, no sentido do cuidado, atenção e respeito; a promoção, proteção e defesa dos direitos das pessoas idosas e queremos homenagear as pessoas idosas, ressaltando para a sociedade que o envelhecimento é um direito humano, a velhice não é doença e que a pessoa idosa deve ser respeitada e valorizada. Mais do que isso, buscamos sensibilizar as pessoas para a proteção e o respeito com as pessoas idosas, incentivando a sociedade a cobrar a efetivação de políticas e estratégias que assegurem um envelhecimento com qualidade de vida e dignidade”, destaca a coordenadora do Núcleo de Assistência Social, Jurídica e de Estudos sobre a Pessoa Idosa, professora Maria Iolanda de Oliveira.


 


  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa


Você pode se interessar também:
| Exposição mostra peças sacras   |   Padres festejam 60 anos de sacerdócio   |   Grupo fabrica peças de presépio   |   Missa celebra 60 anos de sacerdócio de padres   |  





Publicado em: 30/09/2021

Missa lembra Dia Internacional do Idoso

Ações em outubro querem valorizar pessoa idosa

 

     Uma missa celebrada pelo bispo Dom Sergio.Arthur Braschi na Paróquia Nossa Senhora do Rosário, em Ponta Grossa, às 15 horas desta quinta-feira (30), lembraria o Dia Internacional do Idoso, comemorado amanhã. Foram convidados idosos e líderes das comunidades onde funciona a Pastoral da Pessoa Idosa, mas a celebração seria aberta ao público em geral. Ativa, mas ainda com muitas restrições devido à idade de seus agentes, a Pastoral visitava cerca de mil idosos, antes da pandemia. 


     De acordo com o coordenador diocesano da Pastoral da Pessoa Idosa, diácono Luiz Afonso Freytag, as visitas, hoje, estão seguindo todos os cuidados sanitários. “Sem abraço ou outro contato físico, higienização com álcool em gel, redobro da vigilância nas casas pequenas e, em alguns casos, conversas só por telefone mesmo. Não tenho nem como dizer quantas visitas estão sendo feitas porque muitos de nossos líderes têm idade avançada e não estão saindo de casa”, contou o diácono.


     Ao falar do Dia Internacional do Idoso, Freytag, destaca que a idade é um chamamento feito por Deus a cada mulher e a cada homem para que se tornem fiéis testemunhos da história. “Isso porque os idosos são memória viva. São eles quem não nos deixam desmemoriados quanto aos erros cometidos e os acertos aprendidos. Graças a essa lembrança permanente a prática do bem se fortalece e o mal tende a não se repetir. São depositários de valores humanos e inegociáveis. Os idosos também se tornam pedagogos de nossas famílias e alicerce de nossa sociedade”, enaltece.


     Para o coordenador da Pastoral da Pessoa Idosa, há de se ter em conta que a vida sábia é decorrente da abundância de experiências e não só do acréscimo dos anos. “Definitivamente são as experiências que tornam os nossos idosos pessoas genuinamente sábias. Daí a importância de não os deixar entregues à própria sorte, entremeados pela solidão, frente a uma inadmissível cultura que os exclui, invisibiliza e abandona. ‘Quem não os respeita é sem memória e consequentemente sem futuro’, já dizia o nosso querido e também idoso Papa Francisco nas suas catequeses. Vida longa e saudável a todos! ”


Valorizar


     A Diocese de Ponta Grossa e a Pastoral da Pessoa Idosa trabalham na divulgação do ‘Momento Valorize a Pessoa Idosa’, programado para esta sexta-feira (1º) e sábado, em comemoração do Dia Internacional do Idoso. Promovida pelo Núcleo de Assistência Social, Jurídica e de Estudos sobre a Pessoa Idosa, projeto de extensão da Universidade Estadual de Ponta Grossa, a ação prevê panfletagens do Conselho dos Direitos da Pessoa Idosa na região central da cidade e no terminal de ônibus, nesta quinta-feira, e projeção de vídeo educativo em outdoors eletrônicos nas principais vias.


      O vídeo também será exibido em espaços internos e nas redes sociais da Diocese de Ponta Grossa, Prefeitura, Câmara de Vereadores, shoppings, hospitais, farmácias, igrejas, academias, Regional de Saúde, Associação Comercial, Universidade Aberta para a Terceira Idade, SESC, Pró-Reitoria de Extensão da UEPG, escritório regional da Secretaria da Justiça, Família e Trabalho, entre outros pontos. Ainda acontecerão oficinas sobre os direitos de pessoa idosa e o Estatuto do Idoso, sexta-feira e sábado, das 13h30 às 16h30, transmitidas pelo YouTube no https://www.youtube.com/watch?v=O5btfKS1hSc


As oficinas oferecerão certificado de participação pela Proex. Em Ponta Grossa, o Dia Internacional do Idoso vai ser comemorado durante todo o mês de outubro.  


     “Temos como diretrizes a valorização da pessoa idosa, no sentido do cuidado, atenção e respeito; a promoção, proteção e defesa dos direitos das pessoas idosas e queremos homenagear as pessoas idosas, ressaltando para a sociedade que o envelhecimento é um direito humano, a velhice não é doença e que a pessoa idosa deve ser respeitada e valorizada. Mais do que isso, buscamos sensibilizar as pessoas para a proteção e o respeito com as pessoas idosas, incentivando a sociedade a cobrar a efetivação de políticas e estratégias que assegurem um envelhecimento com qualidade de vida e dignidade”, destaca a coordenadora do Núcleo de Assistência Social, Jurídica e de Estudos sobre a Pessoa Idosa, professora Maria Iolanda de Oliveira.


 


Diocede Ponta Grossa
Dom Sergio celebrou na igreja do Rosário   |   Abel Rosa

Diocede Ponta Grossa
A celebração foi acompanhada por agentes de diversas paróquias   |   Abel Rosa

Diocede Ponta Grossa
Muita gente prestigiou a celebração na tarde de hoje   |   Abel Rosa

Diocede Ponta Grossa
Missa foi organizada pela Pastoral da Pessoa Idosa   |   Abel Rosa


Navegue até a sua Paróquia