DIOCESE  DE  PONTA  GROSSA



SOBRE
   História
   Fundação
   Bula Pontifícia


ESTRUTURA
   Colégio Consultores
   Conselho Presbiteral
   Seminários Diocesanos
   Casas para Encontros


Publicado em: 10/11/2022

Retiro e DNJ reúnem jovens da Diocese

Saúde e Medianeira programaram ações no domingo

 
Entre os jovens muita descontração para falar de Deus Entre os jovens muita descontração para falar de Deus | Crédito: Janaína Rocha/PASCOM Medianeira PG

 O domingo (6) dos jovens foi movimentado nas paróquias Nossa Senhora Medianeira e Nossa Senhora da Saúde, em Ponta Grossa. O Grupo de Jovens Nos Passos de Maria promoveu o retiro ‘Buscai as Coisas do Alto’, que vinha sendo pensado há muito tempo e acabou reunindo perto de 50 jovens, em uma chácara na região do distrito de Uvaia. Já na Paróquia Nossa Senhora da Saúde cerca de 70 integrantes de grupos de jovens do Setor 2, da Copiosa Redenção e da comunidade Cavanis acompanharam a programação do Dia Nacional da Juventude.


     No DNJ do Setor 2 os jovens vivenciaram um dia de animação, partilha, espiritualidade, além de terem a oportunidade de confissão e de participar da Santa Missa, celebrada pelos padres Antônio Gerisvan Flores e João Jorge. O assessor do Setor Juventude, padre Kleber Pacheco, também passou pelo evento. “Nos alegrou muito o coração ao ver os jovens celebrando o dia deles no Setor 2. As dinâmicas elaboradas no momento fizeram a diferença. Toda equipe organizadora está de parabéns por abraçar a ideia e fazer acontecer”, comentou padre Kleber.


     O próximo DNJ na Diocese de Ponta Grossa acontece na terça-feira, 15 de novembro, feriado nacional. Será a vez dos jovens do Setor 4, na Capela São Miguel Arcanjo, Rua Sengés, 211, na Chapada, em Ponta Grossa. A programação inicia a partir das 14 horas. A inscrição é um quilo de alimento não perecível. 


 


Retiro


     De acordo com Ana Luíza Cordeiro, uma das coordenadoras do retiro ‘Buscai as Coisas do Alto’, o tema partiu de uma ideia que Deus colocou na cabeça dos organizadores há muito tempo. “Adaptamos a data. Tínhamos a intenção de fazer algo para encerrar o ano, com amigo secreto e momentos de lazer, para poder passarmos momentos juntos e deu certo de termos a graça de conhecer a chácara através da família de uma paroquiana. Percebemos que Deus vinha intercedendo e trazendo respostas, depois de muita oração”, contou Ana. O dia teve dinâmicas e muita diversão. “Deu tudo certo. Saiu melhor do que esperávamos. O momento com o irmão Luiz (Adriano Ribeiro) fez com que sentíssemos o amor de Deus, foi um momento transformador. À tarde, foi muito divertido, amigo secreto, piscina...”, acrescentou.


     Ana Luíza adiantou que a equipe de coordenação vai se reunir para avaliar a devolutiva dos jovens sobre questões levantadas durante o retiro. “O que acharam, como se sentiram, sugestões para aperfeiçoar a atividade. É preciso pensar nos próximos eventos”, afirmou a coordenadora. Não foi cobrada taxa de participação, além de valor para ajudar no transporte. “Tudo foi arrecadado entre os coordenadores, colaboradores e a paróquia. Interessante que todos puderam doar alguma coisa para o café da manhã, o almoço. Foi muito bom!”


     O irmão marista Luiz Adriano Ribeiro foi o responsável pelas dinâmicas. Ele lembrou que para os jovens e adolescentes as palavras falam muito mais fortes pelos gestos. “Usei a dinâmica de Jesus que, primeiro, produzia gestos e dos gestos trazia a reflexão. Curava e da cura, vinha a reflexão. Toda a dinâmica foi baseada nos gestos da presença de Deus. Nós falamos tanto de Deus, mas parece que está tão distante. A dinâmica quis mostrar que Deus está a todo o momento comigo. Na verdade, é só você enxergar com os olhos de Deus as mesmas coisas que enxerga no dia-a-dia, sem esquecer que Deus está presente. Trouxe a Trindade, base da nossa fé de cristãos, alimentados por Jesus. Falei da figura do pai, que cria, que cuida. Depois, de Jesus, o ser mais próximo para entendermos o coração de Deus, e. da pessoa do Espírito Santo que é invisível, mas plenamente visível. É o sopro de Deus”, resumiu o religioso. 


     “Eles são grupos de jovens, estão próximos, precisam confiar um no outro. Toda a caminhada de comunidade é uma caminhada de confiança e nós precisamos criar essas bases de confiança. Grupo de jovens, de adolescentes, de Catequese é o melhor momento para se iniciar essa base de confiança. O primeiro é a família, mas eles vão alçando voo e é preciso voar com eles, mostrar para eles que podem contar conosco para voar com segurança. Quis favorecer a união, criar condições para que a comunidade seja o melhor lugar para a proximidade. Na dinâmica, ao fazer um toque de bênção no colega, ele respeita o corpo do colega. Ao ser tocado também permite que esse toque seja um toque de bênção, de transformação. Assim, o grupo vai caminhando”, explicou irmão Luiz. 


 


  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa


Você pode se interessar também:
| Presépio dos Arautos abre neste sábado   |   aa   |   Núncios apostólicos na Diocese   |   Encaminhadas principais ações para 2023   |  





Publicado em: 10/11/2022

Retiro e DNJ reúnem jovens da Diocese

Saúde e Medianeira programaram ações no domingo

 

 O domingo (6) dos jovens foi movimentado nas paróquias Nossa Senhora Medianeira e Nossa Senhora da Saúde, em Ponta Grossa. O Grupo de Jovens Nos Passos de Maria promoveu o retiro ‘Buscai as Coisas do Alto’, que vinha sendo pensado há muito tempo e acabou reunindo perto de 50 jovens, em uma chácara na região do distrito de Uvaia. Já na Paróquia Nossa Senhora da Saúde cerca de 70 integrantes de grupos de jovens do Setor 2, da Copiosa Redenção e da comunidade Cavanis acompanharam a programação do Dia Nacional da Juventude.


     No DNJ do Setor 2 os jovens vivenciaram um dia de animação, partilha, espiritualidade, além de terem a oportunidade de confissão e de participar da Santa Missa, celebrada pelos padres Antônio Gerisvan Flores e João Jorge. O assessor do Setor Juventude, padre Kleber Pacheco, também passou pelo evento. “Nos alegrou muito o coração ao ver os jovens celebrando o dia deles no Setor 2. As dinâmicas elaboradas no momento fizeram a diferença. Toda equipe organizadora está de parabéns por abraçar a ideia e fazer acontecer”, comentou padre Kleber.


     O próximo DNJ na Diocese de Ponta Grossa acontece na terça-feira, 15 de novembro, feriado nacional. Será a vez dos jovens do Setor 4, na Capela São Miguel Arcanjo, Rua Sengés, 211, na Chapada, em Ponta Grossa. A programação inicia a partir das 14 horas. A inscrição é um quilo de alimento não perecível. 


 


Retiro


     De acordo com Ana Luíza Cordeiro, uma das coordenadoras do retiro ‘Buscai as Coisas do Alto’, o tema partiu de uma ideia que Deus colocou na cabeça dos organizadores há muito tempo. “Adaptamos a data. Tínhamos a intenção de fazer algo para encerrar o ano, com amigo secreto e momentos de lazer, para poder passarmos momentos juntos e deu certo de termos a graça de conhecer a chácara através da família de uma paroquiana. Percebemos que Deus vinha intercedendo e trazendo respostas, depois de muita oração”, contou Ana. O dia teve dinâmicas e muita diversão. “Deu tudo certo. Saiu melhor do que esperávamos. O momento com o irmão Luiz (Adriano Ribeiro) fez com que sentíssemos o amor de Deus, foi um momento transformador. À tarde, foi muito divertido, amigo secreto, piscina...”, acrescentou.


     Ana Luíza adiantou que a equipe de coordenação vai se reunir para avaliar a devolutiva dos jovens sobre questões levantadas durante o retiro. “O que acharam, como se sentiram, sugestões para aperfeiçoar a atividade. É preciso pensar nos próximos eventos”, afirmou a coordenadora. Não foi cobrada taxa de participação, além de valor para ajudar no transporte. “Tudo foi arrecadado entre os coordenadores, colaboradores e a paróquia. Interessante que todos puderam doar alguma coisa para o café da manhã, o almoço. Foi muito bom!”


     O irmão marista Luiz Adriano Ribeiro foi o responsável pelas dinâmicas. Ele lembrou que para os jovens e adolescentes as palavras falam muito mais fortes pelos gestos. “Usei a dinâmica de Jesus que, primeiro, produzia gestos e dos gestos trazia a reflexão. Curava e da cura, vinha a reflexão. Toda a dinâmica foi baseada nos gestos da presença de Deus. Nós falamos tanto de Deus, mas parece que está tão distante. A dinâmica quis mostrar que Deus está a todo o momento comigo. Na verdade, é só você enxergar com os olhos de Deus as mesmas coisas que enxerga no dia-a-dia, sem esquecer que Deus está presente. Trouxe a Trindade, base da nossa fé de cristãos, alimentados por Jesus. Falei da figura do pai, que cria, que cuida. Depois, de Jesus, o ser mais próximo para entendermos o coração de Deus, e. da pessoa do Espírito Santo que é invisível, mas plenamente visível. É o sopro de Deus”, resumiu o religioso. 


     “Eles são grupos de jovens, estão próximos, precisam confiar um no outro. Toda a caminhada de comunidade é uma caminhada de confiança e nós precisamos criar essas bases de confiança. Grupo de jovens, de adolescentes, de Catequese é o melhor momento para se iniciar essa base de confiança. O primeiro é a família, mas eles vão alçando voo e é preciso voar com eles, mostrar para eles que podem contar conosco para voar com segurança. Quis favorecer a união, criar condições para que a comunidade seja o melhor lugar para a proximidade. Na dinâmica, ao fazer um toque de bênção no colega, ele respeita o corpo do colega. Ao ser tocado também permite que esse toque seja um toque de bênção, de transformação. Assim, o grupo vai caminhando”, explicou irmão Luiz. 


 


Diocede Ponta Grossa
Entre os jovens muita descontração para falar de Deus   |   Janaína Rocha/PASCOM Medianeira PG

Diocede Ponta Grossa
À tarde, a programação foi na beira da piscina   |   Janaína Rocha/PASCOM Medianeira PG

Diocede Ponta Grossa
Os perto de 50 jovens participaram de dinâmicas   |   Janaína Rocha/PASCOM Medianeira PG

Diocede Ponta Grossa
O diácono Anderson Luís Schulmeister falou aos jovens   |   Janaína Rocha/PASCOM Medianeira PG

Diocede Ponta Grossa
Jovens do Setor 2 também se reuniram no domingo   |   Setor Juventude


Navegue até a sua Paróquia