DIOCESE  DE  PONTA  GROSSA



SOBRE
   História
   Fundação
   Bula Pontifícia


ESTRUTURA
   Colégio Consultores
   Conselho Presbiteral
   Seminários Diocesanos
   Casas para Encontros


Publicado em: 30/11/2021

A beleza do Natal no presépio dos Arautos

A montagem pode ser vista até o dia 9 de janeiro

 
Bispo Dom Sergio visitou o presépio no dia 6 e se encantou Bispo Dom Sergio visitou o presépio no dia 6 e se encantou | Crédito: Arautos do Evangelho

O Presépio vivo de som, luz e movimento, montado tradicionalmente há 22 anos pelos Arautos do Evangelho de Ponta Grossa, tem atraído de 800 a mil pessoas, em todos os finais de semana. No último dia 6, o presépio recebeu as bênçãos do bispo Dom Sergio Arthur Braschi, que chegou a se emocionar com a beleza da montagem. “Convido a todas as famílias, as crianças, as escolas, os adolescentes, a juventude para que, na preparação para o Advento e Natal, possamos contemplar conhecer melhor a maravilhosa história do Deus que se fez homem”, comentou o bispo. A visitação pode ser feita até o dia 9 de janeiro, aos sábados e domingos, das 14 às 20 horas, com entrada franca. A sede dos Arautos fica na Avenida Carlos Cavalcanti, 4199, em Uvaranas. 


      As sessões são ininterruptas. Este ano, foi reduzido o número de pessoas na sala: de 60, antes da pandemia, agora, são 35. De acordo com a coordenação dos Arautos, foi feita uma cobertura ao ar livre para que as pessoas possam esperar. E a igreja também fica aberta para visitação, por intermédio de um novo acesso novo. Os visitantes precisam fazer a higienização das mãos com álcool em gel e é obrigatório o uso de máscara. Ano passado, o presépio não foi montado devido a pandemia. Neste domingo (5), acontecem missas às 8, 10 e 17 horas. Logo depois do fim da última celebração, está programada uma cantata natalina, realizada pelas Irmãs dos Arautos, de Curitiba. No dia 8, será a vez da orquestra dos Arautos do Evangelho fazer uma apresentação especial, no Lago de Olarias. O concerto natalino acontece às 20 horas.


     Atualmente, são mais de 400 peças que contam a história do nascimento de Jesus. O coordenador dos Arautos do Evangelho, padre Mateus Mitsuo Taneguti, destaca que, este ano, foram abordados temas muito importantes relacionados ao Evangelho. “Todo o enredo está preparando o espírito natalino dos corações, das almas das pessoas. Inicia com a história de um avô, que vai narrar o Natal para o seu neto e conta da Igreja, do primeiro Natal, do Papa - ele que tinha servido o Papa quando jovem porque era da guarda suíça - Está nevando e ele vai contando a história da salvação”, detalha, citando que se procurou, através da união da tradição e da tecnologia, ir mostrando dados históricos do Evangelho. “São peças computadorizadas, mecânicas, que vão se movendo, que tem feito um apostolado muito grande, um espetáculo. As pessoas saem encantadas. As peças se movem, com vida, narram os mais belos episódios da história da nossa salvação”, acrescenta.


     O presépio por ser visto por estudantes de escolas, alunos de Catequese e funcionários de empresas, em visitas agendadas pelo telefone 3226-5911.


Fortaleza


     Uma equipe composta por quatro pessoas, de Ponta Grossa, terminou ontem (29) a montagem do presépio dos Arautos de Fortaleza, no Ceará. O padre Paulo Sérgio Martins, que foi o superior em Ponta Grossa por dez anos e há dois está na capital, resolveu levar a apresentação para o Ceará pela primeira vez. O grupo teve a ajuda do pessoal local, que montou antes a sala e a estrutura. Toda a parte elétrica e artística foi preparada pelo estafe ponta-grossense: três que viajaram daqui e um que reside lá. Foi um recorde. Enquanto o presépio de Ponta Grossa leva dois meses para ser montado, o de Fortaleza ficou pronto em dez dias. Foram, em média, de 12 a 14 horas de trabalho diário.


     O presépio é um pouco mais simples, devido ao tempo, mas segue o mesmo estilo. As apresentações começam neste sábado (4). Os Arautos do Evangelho contam com uma casa em Fortaleza. As missas ainda são realizadas em uma cobertura adaptada. No último sábado, ocorreu a primeira cerimônia oficial na Paróquia São José/Catedral Metropolitana de Fortaleza, quando 300 pessoas fizeram sua consagração a Nossa Senhora. Por se tratar de uma região muito católica e com enorme número de devotos marianos, a capital e seu entorno foi destino de muitas missões dos Arautos que, em 2019, ali fixaram residência. Padre Paulo Sergio serve em Fortaleza ao lado de mais quatro irmãos consagrados.


 


  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa
  • Diocede Ponta Grossa


Você pode se interessar também:
| Tradicional bênção dos veículos será nesta sexta   |   Jovens terão dias de convivência em seminário   |   Ciclistas percorrem 651 km na Rota do Rosário   |   Os Santos Reis lembrados em procissão   |  





Publicado em: 30/11/2021

A beleza do Natal no presépio dos Arautos

A montagem pode ser vista até o dia 9 de janeiro

 

O Presépio vivo de som, luz e movimento, montado tradicionalmente há 22 anos pelos Arautos do Evangelho de Ponta Grossa, tem atraído de 800 a mil pessoas, em todos os finais de semana. No último dia 6, o presépio recebeu as bênçãos do bispo Dom Sergio Arthur Braschi, que chegou a se emocionar com a beleza da montagem. “Convido a todas as famílias, as crianças, as escolas, os adolescentes, a juventude para que, na preparação para o Advento e Natal, possamos contemplar conhecer melhor a maravilhosa história do Deus que se fez homem”, comentou o bispo. A visitação pode ser feita até o dia 9 de janeiro, aos sábados e domingos, das 14 às 20 horas, com entrada franca. A sede dos Arautos fica na Avenida Carlos Cavalcanti, 4199, em Uvaranas. 


      As sessões são ininterruptas. Este ano, foi reduzido o número de pessoas na sala: de 60, antes da pandemia, agora, são 35. De acordo com a coordenação dos Arautos, foi feita uma cobertura ao ar livre para que as pessoas possam esperar. E a igreja também fica aberta para visitação, por intermédio de um novo acesso novo. Os visitantes precisam fazer a higienização das mãos com álcool em gel e é obrigatório o uso de máscara. Ano passado, o presépio não foi montado devido a pandemia. Neste domingo (5), acontecem missas às 8, 10 e 17 horas. Logo depois do fim da última celebração, está programada uma cantata natalina, realizada pelas Irmãs dos Arautos, de Curitiba. No dia 8, será a vez da orquestra dos Arautos do Evangelho fazer uma apresentação especial, no Lago de Olarias. O concerto natalino acontece às 20 horas.


     Atualmente, são mais de 400 peças que contam a história do nascimento de Jesus. O coordenador dos Arautos do Evangelho, padre Mateus Mitsuo Taneguti, destaca que, este ano, foram abordados temas muito importantes relacionados ao Evangelho. “Todo o enredo está preparando o espírito natalino dos corações, das almas das pessoas. Inicia com a história de um avô, que vai narrar o Natal para o seu neto e conta da Igreja, do primeiro Natal, do Papa - ele que tinha servido o Papa quando jovem porque era da guarda suíça - Está nevando e ele vai contando a história da salvação”, detalha, citando que se procurou, através da união da tradição e da tecnologia, ir mostrando dados históricos do Evangelho. “São peças computadorizadas, mecânicas, que vão se movendo, que tem feito um apostolado muito grande, um espetáculo. As pessoas saem encantadas. As peças se movem, com vida, narram os mais belos episódios da história da nossa salvação”, acrescenta.


     O presépio por ser visto por estudantes de escolas, alunos de Catequese e funcionários de empresas, em visitas agendadas pelo telefone 3226-5911.


Fortaleza


     Uma equipe composta por quatro pessoas, de Ponta Grossa, terminou ontem (29) a montagem do presépio dos Arautos de Fortaleza, no Ceará. O padre Paulo Sérgio Martins, que foi o superior em Ponta Grossa por dez anos e há dois está na capital, resolveu levar a apresentação para o Ceará pela primeira vez. O grupo teve a ajuda do pessoal local, que montou antes a sala e a estrutura. Toda a parte elétrica e artística foi preparada pelo estafe ponta-grossense: três que viajaram daqui e um que reside lá. Foi um recorde. Enquanto o presépio de Ponta Grossa leva dois meses para ser montado, o de Fortaleza ficou pronto em dez dias. Foram, em média, de 12 a 14 horas de trabalho diário.


     O presépio é um pouco mais simples, devido ao tempo, mas segue o mesmo estilo. As apresentações começam neste sábado (4). Os Arautos do Evangelho contam com uma casa em Fortaleza. As missas ainda são realizadas em uma cobertura adaptada. No último sábado, ocorreu a primeira cerimônia oficial na Paróquia São José/Catedral Metropolitana de Fortaleza, quando 300 pessoas fizeram sua consagração a Nossa Senhora. Por se tratar de uma região muito católica e com enorme número de devotos marianos, a capital e seu entorno foi destino de muitas missões dos Arautos que, em 2019, ali fixaram residência. Padre Paulo Sergio serve em Fortaleza ao lado de mais quatro irmãos consagrados.


 


Diocede Ponta Grossa
Bispo Dom Sergio visitou o presépio no dia 6 e se encantou   |   Arautos do Evangelho

Diocede Ponta Grossa
A delicadeza das peças chama a atenção   |   Arautos do Evangelho

Diocede Ponta Grossa
Padre Mateus com as famílias visitantes   |   Arautos do Evangelho

Diocede Ponta Grossa
O presépio conta a história do nascimento do salvador   |   Arautos do Evangelho

Diocede Ponta Grossa
Em Fortaleza, 300 pessoas se consagraram a Nossa Senhora   |   Arautos do Evangelho


Navegue até a sua Paróquia